Carregando... Aguarde...

CATEGORIAS

Assine nossos informativos


Heidi Baker

Rolland Baker e Heidi Baker (29/08/1959) – Fundadores e Presidentes do Iris Ministries (Ministérios Arco-Íris), fundado em 1980 nos EUA, e atualmente sediado em Pemba/Moçambique. Apóstolos da Apostolic Network Global Awakening (ANGA), presidida pelo Apóstolo Randy Clark. No Brasil a rede está presente como RAGAI (Rede Apostólica Global Awakening Internacional), dirigida pelo Pr. Ed Rocha.
Terceira geração de missionários, Rolland nasceu na China (seu avô, H. A. Baker, autor de Visões além do véu foi missionário na nação) e foi criado na China, Hong Kong e Taiwan. Heidi foi salva através de um evangelista navajo; alguns meses depois, com dezesseis anos, quando vivia em uma reserva indígena no Mississippi como uma estudante, teve uma visão de Jesus lhe falando por várias horas e a chamando ao campo missionário. Quando voltou para casa em Laguna Beach/Califórnia, começou a ministrar e liderar equipes de missões de curto prazo. Rolland e Heidi se conheceram em 1979, e se casaram seis meses depois, em 1980, ao perceberem que tinham o mesmo desejo radical de ver reavivamento entre os pobres e esquecidos do mundo. Viajaram para o campo missionário duas semanas depois do casamento. Foram ordenados ministros em 1985, após completarem o BA e o Mestrado pela Vanguard University, no sudeste da Califórnia. Rolland se formou em Estudos Bíblicos e Heidi em Liderança da Igreja. São pais de Crystalyn e Elisha.

Nos anos seguintes, lideraram equipes em viagens de evangelismo de curto prazo para as Filipinas, Taiwan, Indonésia e Hong Kong. Em 1985, se mudaram para Indonésia, e começaram a trabalhar com os pobres nas favelas do centro de Jacarta, e entre os esquecidos nas ruas e idosos no centro de Kowloon/Hong Kong, a área urbana mais populosa do mundo. Em 1992 foram para Londres fazer o PhD em Teologia Sistemática no King’s College, da University of London. Continuaram a ajudar os pobres e plantaram uma igreja, Believer's Centre, para os sem-teto do centro de Londres, acompanhados por estudantes, advogados, empresários e amigos de vários países. Ansiando pelo cumprimento do chamado para a África, em 1995, iniciaram um novo ministério para os pobres e crianças abandonadas em Moçambique, à época o país mais pobre do mundo.
Começando com nada, após alguns meses receberam como doação um orfanato dilapidado em Chihango, em Maputo, com oitenta crianças. Essas crianças foram salvas e cheias do Espírito Santo, e Jesus provia milagrosamente, enquanto oravam dia e noite por sua alimentação diária. Trouxeram equipes, melhoraram o centro, e levaram as crianças para as ruas para testemunhar a outras órfãs e abandonadas. Muitas tinham visões e eram levadas ao céu. Uma igreja foi plantada e muitos da comunidade também foram alcançados. Papa Rolland e Mama Aida sofreram perseguição de burocratas, policiais corruptos, ladrões e feiticeiros. Ao alcançarem 320 crianças, o governo expulsou a família Baker, negando permissão para orar e adorar na propriedade. Saíram do estabelecimento, sem nada, mas suas crianças os acompanharam para sua pequena casa alugada. Apesar da situação precária, milagres aconteceram (inclusive multiplicação de alimentos), e terrenos foram doados em uma cidade próxima, Machava, onde iniciaram um novo trabalho. Um novo espaço foi comprado em Zimpeto, na periferia de Maputo, perto do maior lixão da cidade, onde muitos milagres do Iris aconteceram.

Com um crescimento explosivo na década de 1990 e 2000, mais e mais crianças encontraram uma casa em Iris, mais multidões vieram para o Senhor, e pessoas pediam formação pastoral ao ministério. Conferências que foram solicitadas atraíam milhares de pessoas; milhares de novas igrejas surgiram, e outras antigas filiaram-se a Iris. Rolland e Heidi foram convidados a falar em diversas nações. Voluntários estrangeiros vieram em grande número. Com as inundações catastróficas em 2000 e em 2001, sua rede de longo alcance de igrejas rurais trabalhou extensivamente nos campos de refugiados temporários, alimentando milhares além de seus números habituais. Com a fome espiritual, um grande derramamento do Espírito Santo caiu sobre eles. E apesar da atenção internacional afastar-se rapidamente, o ministério ficou com muitos mais para cuidar, física e espiritualmente. Em 2004, com o desenvolvimento do trabalho em Zimpeto, Rolland e Heidi deixaram a obra nas mãos de um casal australiano, e mudaram-se permanentemente para Pemba, que antes cercada de grupos tribais não alcançados, hoje vê esses não-alcançados rapidamente diminuindo, pois quase todo esforço em uma aldeia resulta em uma nova igreja.
Presente em todas as províncias e nas principais cidades de Moçambique, o ministério está empenhado em oferecer um lar para cada criança órfã da nação, sem exceção. Alimentam mais de dez mil crianças por dia, além de vários membros de muitas outras comunidades, incluindo atualmente quatro mil famílias em Malawi. Sua rede de igrejas inclui cinco mil igrejas em Moçambique, sendo cerca de duas mil entre os antes milhões de não-alcançados Makua no norte do país, e oito mil em dezenas de nações. Iris opera cinco escolas bíblicas, além de três escolas primárias (entre as melhores do país) e uma escola internacional de missões em Pemba. Planejam atualmente evangelismo para as regiões costeiras mais remotas via barco (recentemente adquirido), a expansão da capacidade de transporte aéreo do ministério, o investimento em uma variedade de indústrias caseiras, e uma iniciativa especial de perfuração de poços, com uma sonda de perfuração adquirida por um financiamento generoso de várias igrejas dos EUA, para transformar a vida em aldeias desesperadamente secas em todos os lugares possíveis. Em 2010, após o terremoto no Haiti, Heidi e Rolland começaram a ONG Iris Relief, uma nova subdivisão do Iris Ministries, que envia equipes para trazer alívio físico e espiritual para aqueles que enfrentam a fome, enchentes, pragas e outros desastres naturais, bem como aqueles que experimentam a tragédia e perda devido à guerra e conflitos políticos.
Abrindo bases de maneiras semelhantes, o Iris Ministries está presente também no Quênia, Madagascar, Malawi, Serra Leoa, África do Sul, Sudão do Sul, Tanzânia, Zimbabué, Brasil (Nova Friburgo, Rio de Janeiro e São Paulo), Camboja, Índia, Indonésia, Nepal, Filipinas, Coreia do Sul, Tailândia, Romênia, Israel e Micronésia. Heidi já esteve ministrando várias vezes no Brasil.


São co-autores de The Hungry Always Get Fed, Expecting Miracles: True Storis of Gods Supernatural Power and How You Can Experience It, e Sempre haverá o suficiente em português. Estão intimamente ligados à Bethel Church de Redding/Califórnia, à rede de igrejas Partners in Harvest, e são membros da Revival Alliance, com Che e Sue Ahn, Randy e DeAnne Clark, Bill e Beni Johnson, Georgian e Winnie Banov e John e Carol Arnott.